<

quarta-feira, 3 de junho de 2015

ESCOLA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

Alem dos manos Ferrões, a Nela Curado da Rua Y, ainda se vê o Jorge Madeira e o João Baptista da Rua J, o Luis Gim da praça M e o Vitor Soares da praça dos Baloiços


Foto cedida pelo: Luis Pinheiro de Almeida ( Gim )
tb em 15.5.08 e em 8.2.09

Etiquetas:

47 Comentários:

Anonymous alvaro dos apaches disse...

Ola Gim

Parece que ha ja gente a mais na listagem para a almoçarada la no Bairro....eheheheh

No entanto vou dar continuidade ao Blog e tentar ir juntando a malta de Coimbra das varias epocas.
Diz alguma coisa...e manda umas bocas pro blog...ou fotos antigas.......pra gente se rir....eheheheh

Alvaro dos Apaches

11:27 da manhã  
Anonymous Gim disse...

Além do grande prof. Franco - a quem devo grande parte da minha formação - e de mim próprio, reconheço a Nela Curado, então minha "namorada", o Luís Todo Bom, o Pedro Cid, o Vítor Soares, o Redondo Lopes, o Elias...

Alguém ajuda a identificar mais?

--
Gim
Coimbra-Portugal

11:28 da manhã  
Anonymous Gim disse...

Eh! Eh! Chibata era o meu irmão João. Eu sou o Gim! Lembro-me bem da Papelaria Amílcar que era aliás ao lado da Escola. O que nós gozávamos com o Todo Bom! E ele respondia: "mas vou casar com uma pega toda boa e vocês não!!!. Ah! Ah! Ah!

Mas eu saí do Bairro em 64, acho eu, tinha uns 17 anos e do meu tempo não sei se estará alguém no almoço.

De quem me lembro? Os meus companheiros pró Liceu eram o Bino e o Ferrão. Brincava muito com o Rui pato. Jogava à bola no Cavalo Selvagem (era sempre o guarda-redes). Com quem? Manito, Sérgio, Rui Piçarra, o Quim, o Lau, Rui Bento, o Tomané Quaresma, o Felício...

Lembro-me bem também do Cizé, que era meu vizinho, da Titá, do Néné Castro e Silva e a irmã, o Diamantino e a irmã. No mesmo prédio do Diamantino vivia um tipo - cujo nome me escapa - que andava em Medicina e que me levou pró judo da Académica, ainda no Palácio dos Grilos, lembro-me do Nini - acho que namorava com a irmã mais velha da Titá - do Nando, do Tozé Fiscal, do Victor Pirisca, dos Afonsos, do meu grande amigo Vítor Soares com quem roubava discos na baixa e aos sábados íamos confessar ao Seminário e o padre mandava-nos devolver os discos. Acho que chegámos a fazer com os que não gostávamos. Rui Mesquita. A dona da Farmácia tinha uma filha que era a minha "irmã gémea" pois faz os mesmos anos do que eu no mesmo dia. Não me lembro do nome. Lembro-me do Rosa, do clube onde víamos televisão, jogávamos ás cartas e guardávamos o nosso "museu de coisas roubas", onde se incluia a bomba do autoclismo do próprio clube.

Lembro-me do Mirolho, do Nito, do Políbio, de uma rapariga que morava ao pé do Políbio, lembro-me das grandes jogatanas de hóquei com os bueiros a servir de balizas, dos jogos de bola com botões, das voltas a portugal em bicicleta com as caricas....

Lembro-me de ouvir os Beatles, os rolling stones, os Searchers, dave Clark five, sei lá num gira-discos portátil debaixo de uma árvore frente à casa da Nela e da Mela, ao pé das escadas que iam para o Pinhal de Marrocos. Ao lado morava o Rui mesquita.

Não havia um também que era o Cantante? Íamos tocar para a garagem do Bino.
Jesus Christ! Será que esta malta toda vai estar no almoço? Há muitos evidentemente que já não conheci....

Vivi uns 14 anos no bairro.

Bom, vou calar-me.

LPA

11:30 da manhã  
Anonymous Mario P. Almeida disse...

Pois é, ainda há alguns desaparecidos; para além do rui Felício, o néné castro e silva, embora deste se saiba que é médico e exerce em Coimbra, mas já falei com a pt e vodafone e não consegui o telefone dele…..

11:34 da manhã  
Anonymous alvaro disse...

Ola Luisito...ehehehe..
Nesta altura ja tinha ido para o Liceu.
No entanto reconheço ali o Amilcar, filho do Sr. Amilcar da papelaria.
Ha uns anos andava por Coimbra e penso que tinha tirado o Instituto Industrial.
Parece-me ver o Canelas mais novo, irmão do Carlos Manuel e do Jose Carlos. ( 3º em baixo...agachado).
Tambem me parecem estar os Ferrões da Rua Y ( R. Moçambique).
Um louro que ali está pareceu-me o Bronze Canelas da Rua do Brasil ( Fonte da Cheira).
Eu andei la e fui colega do teu irmão Mario, dos manos Canelas, do Rogerio Teixeira, do Jorge Machado Martins da Fonte da Cheira, do Manuel Duarte (preto) e da irmã Dulce,do Sabino e do Vitor Sabino, Carlos Manuel ( Vacão) da Casa Branca, do Rui Moura do Casal da Eira, do Luis Maria Bobone da Qta da Portela, dos manos Luis e Vitor Almeida ( os almeidinhas) da rua do Clube, do Toze Portugal, do Gilberto Duvens, do Jorge Dias (medico)( da rua de Angola) que foi atropelado na passagem de nivel.
Pensei que o Luis Todo Bom, a quem chamavamos de Luisa Manuela Pega Toda Boa....ehehehe...tinha sido da minha classe, mas parece que não.
Nessa tua classe devia estar o To Martins que jogou na Academica, irmão do Jorge Machado Martins.
Um abraço
Alvaro F. Santos

11:38 da manhã  
Blogger santantoninho disse...

o manuel duarte ainda jogou futebol na academica e depois não sei onde...

5:59 da tarde  
Anonymous Alvaro Apache disse...

Oh Mario,não percebes nada de futebois....eheheheh.
O Manel Duarte, jogou na Academica, no Leixões, no Sporting e foi um dos Magriços em Inglaterra no Mundial de 1966.
Depois foi para o Vizela ou outro clbe la d Minho. Fez vida la...e ha uns 4, 5 anos, estive na Queima com ele, pois tinha la um filho fitado num carro.
Julgo que continua la pelos nortes.

9:48 da tarde  
Blogger santantoninho disse...

posso não perceber mito de futebóis, mas tinha essa ideia do Duarte, mas tive medo de confundir a carreira com otro rapaz de cor - o antónio almeida- que foi meu cloega de turma e que tb jogou na académica, mas náo indo tão longe como o duarte. Em todo o caso, obrigado pela notícia. Cultura é aquilo que fica depois de esquecermos o que aprendemos, e esta, hem????. mas ainda não disseste o nome completo do bobone...

10:23 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Carlos Newton Franco….a quem deves grande parte da tua formação e algumas réguadas e ponteiradas; na altura doíam, mas acho que foram bem empregues, pelo menos aquelas que levei; falta a esposa, a D. Julieta e a professora que me ensinou a ler – a D Ana; de resto não conheço mais ninguém, embora a cara do último do lado direito de seja familiar…naquela altura, eras um patamar mais abaixo…

Mário

12:04 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Eu ajudo a identificar, pelo menos, um. Mas, a quem? Ou seja, quem foi o namorado da minha vizinha e amiga Nela Curado? Poderei identificar um outro, desde que saiba se a fotografia diz respeito à 1ª ou à 4ª classe; ou, que idade tem o identificando.
Aguardo ansioso porque sou muito ligado às coisas antigas (mesmo antes das modernas não valerem a pena!)

Rui Barreiros.

12:05 da manhã  
Blogger ié-ié disse...

Rui:

Moi, je, sou o Gim. Tinha 9 anos nesta foto, logo julgo que é da 4ª classe. Tu és o Rui Barreiros que tinha o bar no Parque das Nações, irmão da Mila? Se sim, eras meu vizinho e não da Nela.

Abraços

Luís Pinheiro de Almeida

12:05 da manhã  
Blogger ié-ié disse...

A D. Ana, que também me ensinou a ler, vivia no Bairro.

LPA

12:06 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

eu n�o conhe�o ninguem, pois nessa altura ainda andava no Col�gio Luis Gonzaga, vou colocar uma foto do col�gio onde est�o alguns meninos e meninas do bairro Norton de Matos.
Eu tambem andei na Escola do Bairro, que era numa rua sem saida, a minha professora era a D. Rita, mas penso que deveria ser em 1959

Helena Garcia

12:07 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Eu não sou o Tó Barreiros, irmão da Mila; sou primo deles e moro ao pé da Nela, com quem acabo de falar.
Há vários que penso conhecer, embora não recorde os nomes; um é o carlos canelas marques dos santos, também meu vizinho (da nossa esquerda para a direita, o 3º da 1ª fila); outro parece-me ser o Ferrão (da nossa direita para a esquerda, o 1º da 1ª fila); o 4º da última do nosso lado direito da última fila, será o Soares?
Conseguirei descobri-los com mais tempo. Entretanto, qual é o Redondo Lopes?
E como conseguiste o meu endereço?
Um abraço,

Rui barreiros.

12:07 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Ola Luisito...ehehehe...Chibata

Nesta altura ja tinha ido para o Liceu.

No entanto reconheço ali o Amilcar, filho do Sr. Amilcar da papelaria.
Ha uns anos andava por Coimbra e penso que tinha tirado o Instituto Industrial.
Parece-me ver o Canelas mais novo, irmão do Carlos Manuel e do Jose Carlos. ( 3º em baixo...agachado).
Tambem me parecem estar os Ferrões da Rua Y ( R. Moçambique).
Um louro que ali está pareceu-me o Bronze Canelas da Rua do Brasil ( Fonte da Cheira).


Eu andei la e fui colega do teu irmão, dos manos Canelas, do Rogerio Teixeira, do Jorge Machado Martins da Fonte da Cheira, do Manuel Duarte (preto) e da irmã Dulce,do Sabino e do Vitor Sabino, Carlos Manuel ( Vacão) da Casa Branca, do Rui Moura do Casal da Eira, do Luis Maria Bobone da Qta da Portela, dos manos Luis e Vitor Almeida ( os almeidinhas) da rua do Clube, do Toze Portugal, do Gilberto Duvens, do Jorge Dias (medico)( da rua de Angola) que foi atropelado na passagem de nivel.

Pensei que o Luis Todo Bom, a quem chamavamos de Luisa Manuela Pega Toda Boa....ehehehe...tinha sido da minha classe, mas parece que não.
Nessa tua classe devia estar o To Martins que jogou na Academica, irmão do Jorge Machado Martins.

Um abraço

Alvaro F. Santos

12:08 da manhã  
Blogger ié-ié disse...

Eh! Eh! Chibata era o meu irmão João. Eu sou o Gim! Lembro-me bem da Papelaria Amílcar que era aliás ao lado da Escola. O que nós gozávamos com o Todo Bom! E ele respondia: "mas vou casar com uma pega toda boa e vocês não!!!. Ah! Ah! Ah!

Mas eu saí do Bairro em 64, acho eu, tinha uns 17 anos e do meu tempo não sei se estará alguém no almoço.

De quem me lembro? Os meus companheiros pró Liceu eram o Bino e o Ferrão. Brincava muito com o Rui pato. Jogava à bola no Cavalo Selvagem (era sempre o guarda-redes). Com quem? Manito, Sérgio, Rui Piçarra, o Quim, o Lau, Rui Bento, o Tomané Quaresma, o Felício...

Lembro-me bem também do Cizé, que era meu vizinho, da Titá, do Néné Castro e Silva e a irmã, o Diamantino e a irmã. No mesmo prédio do Diamantino vivia um tipo - cujo nome me escapa - que andava em Medicina e que me levou pró judo da Académica, ainda no Palácio dos Grilos, lembro-me do Nini - acho que namorava com a irmã mais velha da Titá - do Nando, do Tozé Fiscal, do Victor Pirisca, dos Afonsos, do meu grande amigo Vítor Soares com quem roubava discos na baixa e aos sábados íamos confessar ao Seminário e o padre mandava-nos devolver os discos. Acho que chegámos a fazer com os que não gostávamos. Rui Mesquita. A dona da Farmácia tinha uma filha que era a minha "irmã gémea" pois faz os mesmos anos do que eu no mesmo dia. Não me lembro do nome. Lembro-me do Rosa, do clube onde víamos televisão, jogávamos ás cartas e guardávamos o nosso "museu de coisas roubas", onde se incluia a bomba do autoclismo do próprio clube.

Lembro-me do Mirolho, do Nito, do Políbio, de uma rapariga que morava ao pé do Políbio, lembro-me das grandes jogatanas de hóquei com os bueiros a servir de balizas, dos jogos de bola com botões, das voltas a portugal em bicicleta com as caricas....

Lembro-me de ouvir os Beatles, os rolling stones, os Searchers, dave Clark five, sei lá num gira-discos portátil debaixo de uma árvore frente à casa da Nela e da Mela, ao pé das escadas que iam para o Pinhal de Marrocos. Ao lado morava o Rui mesquita.

Não havia um também que era o Cantante? Íamos tocar para a garagem do Bino.

Jesus Christ! Será que esta malta toda vai estar no almoço? Há muitos evidentemente que já não conheci....

Vivi uns 14 anos no bairro.

Bom, vou calar-me.

LPA

12:08 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Quem vivia no andar de baixo do Diamantino era o Tó Albuquerque, cujo pai, militar, tinha sido colega do meu Pai em Viseu.

JPA

12:10 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Olá Luís,

Eras avesso ao uso de bata??

Continuas com a mesma cara

Abraço

Jorge Galvão

12:11 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

O vizinho do diamantino era o tó Albuquerque e a irmã Fátima, filhos de um tenente-coronel que foi colega em vizeu do meu Pai, do nosso tempo, alguns já morreram –diamantino, tozé fiscal, acho que o políbio, cantante, não campante, mas tb já morreu, assim como o Sérgio, e o irmão do nito o jorge…; o sr Amílcar era metade mercearia, metade papelaria…quantas folhas de papel cavalinho…

Mário Pinheiro de Almeida

12:12 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Olha o Mario....eheheheheh

Estava aqui a mandar umas coisas ao teu irmão Gim....quando tu apareceste.

Oh caramba não sabia das mortes do Diamantino, do Sergio nem do Jorge Gomes que tinha casado com a Lolo Gaspar.

Do Rui Felicio como ninguem sabe dele, talvez se tenha finado. Ha uns anos e bons ainda estive em casa dele em Odivelas.

No ano passado ainda encontrei o Vitor Almeida que tinha um irmão ( andaram na escola do prof. Franco) e que moravam na entrada da Rua A ( Vasco da Gama) para a rua do clube, junto do Serafim Alfaiate.
Tambem sairam de Coimbra durante o Liceu e vieram para Lisboa.

Abraço

Alvaro dos Apaches

12:13 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Pois nem me lembrava que tinhas um irmão mais novo. So me lembrava do teu irmão Mario.

Pois do pessoal que está na listagem ha alguns desses que falaste. Não sei realmente se vão ou não. Penso que sim.
O Rafael, genro da Dª Rosa da papelaria é que está a organizar o evento.
Ma tens ai o Vitor pirisca - Vitor Costa, o irmão Afonso e o irmão mais novo Ernesto(jojó).
O Rosa não o tenho visto, mas parece que ha uns anos lhe saiu o Totobola ou o Euromilhões.
O Polibio , acho que ja faleceu, assim como o Mario irmão do Emilio.

O Manito Arrobas esta na lista e a Titá tambem...eheheheheh.

O Lau está na lista, pensei que ainda andaria pelo Canada, mais o irmão Kim.
O Nini Adão, o Rui e o Ze Bento, o Eloi e o irmão e os Quaresmas e o Rui Pato tambem estão na lista.

O Toze Fiscal tambem morreu ha uns anos de acidente. O Felicio nunca mais ouvi falar dele....dizem que tambem se finou...mas não tenho certeza.

Vai mandando noticias. Abri um blog para la ir metendo coisas.


http://cavalinhoselvagem.blogspot.com


para fotos, estorietas e factos...ehehehehh

Estou por Lisboa desde 1973 e vou tendo ligações á Casa da Academica e à Ass. Antigos Estudantes de Coimbra, onde sempre se encontra malta.

Abraço oh Gim

Alvaro dos Apaches

12:15 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

BOM DIA

vi a fotografia e gostaria que me dissesse onde esta , na fotografia, o Victor Soares, penso que era o meu vizinho na Praça da India Portuguesa tinha um irmão chamado Luis e tambem uma irmã, tanto como julgo saber o Victor faleceu.Reconheço também a Nela Curado, que todo o mundo conhecia! Continuei a ler e verifiquei que falam da Lolo Gaspar, foi minha colega na Escola Primária do Bairro, e minha companheira no liceu Infanta D.Maria, gostaria bastante de a localizar se alguem souber do seu paradeiro, eu andei pelo Bairro até aos dezassete anos, tendo partido para Moçambique, fui das primeiras nadadoras do Futebol Club do Calhabé, clube onde o meu pai Aníbal Sarmento, era o fundador, muito amigo do pai dos Ferrões, que moravam em frente à LOLO.

Manuela Sarmento

12:18 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

eheheeheh

e ja agora....como apanhar o Rui Felicio?......algumas vezes ainda estive com ele quando morava em Odivelas e vim com ele a uma Queima.......naturalmente como veteranos.
O Felicio faz falta para alinhar aqui neste forum....eheheheheh

Alvaro dos Apaches

12:20 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Bom dia,

Eu andei na escola do Bairro (57 com o Prof Teles mais tarde com o saudoso Prof Martins - do basket) e ainda no Colégio do Dr Torgal.
Foram meus colegas o Adão, o Rui Pato (mais velhos 2 anos), o Quito, o Jorge Gonzaga, o Dias, o Viegas, sei lá, muitagente, e alguns que infelizmente já cá não estão.

Não reconheceria a Nela Curado ( já com aquele tamanho, rssssss ) se não tivesse sido referido. Fui seu vizinho durante todos esses anos até ter casado com o Vasco. Lembro-me perfeitamente dos irmãos Canelas.

Mário Fernandes

12:21 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Oh To Ferrão

Neste circulo...ja fui vendo que o pessoal vai estando vivaço.
Pelo menos ja soube que o Rui Felicio está vivo.
Havia umas vozes agoirentas que o davam como desaparecido.
O Luis Gim estará por Coimbra? pareceu-me ter visto por ai nos cruzamentos de informações.

Pois ja me pre-reformei mas agora presido á Ass. Mor. da Portela uma coisa quase como o Clube do Bairro. Polidesportivo, Ginasios Piscinas...etc.
Dá para entreter.
Quem é minha vizinha aqui é a Titá que era uma boa amiga do Gim...e circula na lista das pessoas que deverão estar aí em Outubro.

Estou a tentar fazer um blog para a gente ir metendo la fotos e historietas.

http://cavalinhoselvagem.blogspot.com

Não deu Cavalo Selvagem.....mas ficou a intenção.
Pois pode ser tema de unir as varias rapaziadas dos anos 50-60-70 daí do Bairro.

Na altura eras do grupo a seguir ( Tu, Jorge do Cafe, Dias, To Alvaro, Carlitos, Pestanita,Jorge Carvalho, Jose Eduardo, ToPê, Mario Fernandes (Kola), Alves, Luis Soares, Carlitos Freire, Jojó Costa, o Vasco Franco que foi vereador em Lisboa.....etc)

Do meu Grupo dos Apaches.... Eu, Fernando Beja, Madeira, Dadinho, To Ze Fiscal, CarlosPires, Branquinho, Pombalinho, Morato, Carlos Alberto, João Alberto, Rosa, Capelo, Polibio, Kim Pereira, Alexandre, Buzanos, Rogerio Teixeira, Pestana , Ze e To Neto, Vitor Soares, Armando Rovira, Costa Santos, Ramiro do Cafe Silva, Toni do Benfica e Pedrosa, Dino e Brassard...e o Domingos engraxador....eheheheh etc

Do Grupo do Greco: Pedro Sousa Dias, Ze Bento, Felicio, Silva, Sergio, Portugês, Nito e Jorge Gomes, Piçarra, Sergio, Diamantino, Nini e Fernando Beatle, To e Ze Dores, Tomane Quaresma, Fausto Vasconcelos, Vasco Agoas, Fernando Freire, Afonso, Vitor Pirisca, João da Dª Rosa, Nini Adão, Kim irmão do Lau, Nito Gomes, Carlos Canelas, Ze Afonso, Botas, Toninho Ramos, Xico da Mercearia, Vieira do Cafe ...etc

eheheeh quase que me lembro de toda a gente e onde moravam

Bom exercicio...para a memoria.

manda fotos e coisas para o Blog

agraço

Alvaro dos Apaches

12:22 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

O Rui Felício está ainda para as curvas.
Lembram-se do somões barbaeiro e do Sr Rosa que passavam a tarde de sábado a ver o passoal a jogar a bola no Cavalo Selvagem, e nos passavam um raspanete porque no fim muitos iam cortar o cabelo... Toda a tarde sem fazer nada...
O Sr Rosa ia chamar o Sr Simões de vez em quando para a"tender o telefone" na tasca ao lado...

Tomané Quaresma

12:23 da manhã  
Anonymous Anónimo disse...

Caro Álvaro

É um prazer saber que fazes parte do clube dos “operacionais”.

Vou fazer uma ligeira correcção na tua “memória”. Encontrámo-nos no Cabeço/Afife ( entre Viana do Castelo e Vila Praia de âncora), e tu andavas a filmar uma procissão que fazia parte das festas da terra. Foi em Agosto de 90/91.

Tens razão quanto ao Jorge Madeira. Troquei-lhe o nome. O Fernando, era funcionário da TAP (comissário?) e presumo que está reformado.

Vejo o Jorge Madeira e o Zé Alvim com alguma frequência nos jogos da Académica. São ambos militantes da Briosa.

Moro na Paulo Quintela, junto ao Continente (Vale das Flores), naquele que foi um dos mais famosos campos das nossas jogatanas. Refiro-me à “clareira”.

Ainda estou (e estarei) no activo, e apesar de ter casa em Coimbra, por força da minha vida profissional, circulo pelo País.

E tu, grande apache (atenção que eu não fui. Não tinha idade) o que fazes. Estás reformado?

Um abraço

ANTÓNIO FERRÃO

7:33 da tarde  
Anonymous Periscópio disse...

Álvaro
Quem foi atropelado na passagem de nível foi o Rui Dias, que é médico nos HUC, irmão do Jorge Dias, também médico, que faleceu o ano passado.
O Manuel Duarte acabou no Fafe e lá reside.

2:17 da manhã  
Anonymous Alvaro Apache disse...

Oh Periscopio
Foi o Jorge Dias que foi atropelado na Linha.
Disso tenho a certeza, pois era da minha 4ª classe. perdeu o ano por causa disso.
Acabou so por entrar para o Liceu no ano seguinte. Disso tenho a certeza. O Rui era mais novito.
Infelizmente o Jorge Dias, já cá não está para nos confirmar isso.

9:02 da manhã  
Blogger Vítor Almeida disse...

Fico grato por o meu amigo Álvaro Apache se ter lembrado dos "almeidinhas" que foram para lisboa e por me fazer recordar a malta do Bairro e da Nossa Escola do Professor Franco. Lembro-me de todos os nomes, de todas as rua (menos da rua G, onde ficaram muitas bolas guardadas sine die !!!), as primeiras cervejas no Vasco da Gama, da Nossa Escola do Professor Franco. Dos Lóios e do Cidral, dos treinos da Académica e ... de tudo.
Se o Vice-Presidente da Casa da Académica em lisboa autorizar, creio que serei em breve Sócio e tudo vai recomeçar.
Um abração do Vitor almeidinha, porque o outro já cá não está.

10:33 da tarde  
Blogger Antonio Baptista disse...



Olá meninos, já não conheci o prof.Franco mas tive que aturar a professora Julieta, vou enviar uma foto da minha época só reconheço a Fátima a unica menina da escola.

8:04 da tarde  
Blogger Antonio Baptista disse...



Olá meninos, já não conheci o prof.Franco mas tive que aturar a professora Julieta, vou enviar uma foto da minha época só reconheço a Fátima a unica menina da escola.

8:10 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Gostava de encontrar alguns dos velhos amigos ,eu entrei em1950 e fui para o D.João terceiro em 54.Quem se lembra do Leonardo e Artur Saiago?Lembo-me do Coelho ,dois irmãos Almeida Jose Maria Bourbon de Lencastre Bobone.Liguem 969 545 885.Leonardo

11:19 da tarde  
Blogger Leo disse...

Caros amigos da Escola,continuo à espera de um telefonema vosso e também queria saber quando havera´um almoço dos antigod alunos pois gostaria de ir.Sou Leonardo Sayago 969 545 885 ou 917 50 55 20.Até breve e um abraço para todos.Leonardo

8:29 da tarde  
Anonymous Leonardo Sayago disse...

Caros Amigos,Queria saber quando haverá um almoço para os antigos alunos ,eu sou Leonardo Sayago ,estive na escola de 1950 até 54 e depois fui para o D.João terceiro.O meu contacto pode ser 969 545 885 ou 917 50 55 20.Vivo agora na zona de Lisboa-Estoril.Até breve.Leonardo

8:37 da tarde  
Anonymous Leonardo Sayago disse...

Caros Amigos,Queria saber quando haverá um almoço para os antigos alunos ,eu sou Leonardo Sayago ,estive na escola de 1950 até 54 e depois fui para o D.João terceiro.O meu contacto pode ser 969 545 885 ou 917 50 55 20.Vivo agora na zona de Lisboa-Estoril.Até breve.Leonardo

8:38 da tarde  
Blogger Leo disse...

Estive com o meu irmão Artur da Costa Saiago no Sagrado Coração de Jesus entre 50 e 54 e gostaria de ter um contacto dos antigos amigos.Lembro-me muito bem dos Irmãos Almeida ,do Coelho e peço desculpa mas já lá vão muitos anos .....eu sou o Leonardo ,morava na Rua B perto da praça onde se jogava futebol....quando a Policia não andava por la ,pois era proibido.Alguém dê um toque para tomarmos um café e termos uma boa conversa ,estou pronto a ir onde vocês estiverem.Melhor contacto 969 545 885.Um abraço

4:08 da tarde  
Blogger Leo disse...

Estive com o meu irmão Artur da Costa Sayago no Sagrado Coração de Jesus entre 50 e 54 e gostaria de ter um contacto dos antigos amigos.Lembro-me muito bem dos Irmãos Almeida ,do Coelho e peço desculpa mas já lá vão muitos anos .....eu sou o Leonardo ,morava na Rua B perto da praça onde se jogava futebol....quando a Policia não andava por a ,pois era proibido.Alguém dê um toque para tomarmos um café e termos uma boa conversa ,estou pronto a ir onde vocês estiverem.Melhor contacto 969 545 885.Um abraço

4:09 da tarde  
Anonymous Alvaro Apache disse...

Isto para o Leonardo Sayago.
Não me recordo dos Sayagos apesar de eu ter entrado no Colegio em 52 e ter feito a 4ª classe e entrado no D. João III em Outubro de 56.
Penso que os Almeidas que falas moravam na esquina da Rua do Clube com a Rua A. O Luis Almeida já faleceu mas o irmão Vitor que foi das minhas turmas na Escola, vive actualmente em Beja, mas aparece por Lisboa de vez em quando....e onde nos encontramos por vezes.O Batista penso que seja o Luis Filipe Batista que morava na Quinta da Cheira Rua Y que la andou e que devia ter feito a 4ª classe em 54.
O Luis Filipe aparece nos almoços que habitualmente fazemos com pessoal do Bairro ( dessa altura) nas ultimas 5ªs feiras de cada mês. Encontro ao meio dia e meio em frente da Suiça no Rossio...e sempre com destino incerto para o almoço.
Tambem me lembro bem do Jose Maria Bobone que vinha da Quinta da Portela de carro para o Colegio mas como era mais velho nunca tivemos uma relação de amizade. Da minha 4ª classe eram lá do Bairro, Os irmãos Canelas e o Rogerio Teixeira da Rua Y, o Sabino e o irmão Vitor, o Jorge Dias da Rua X, o Nelinho e o To Ze Portugal da Rua A, o Mario Pinheiro de Almeida (falecido), o Vasconcelos, o Manuel Duarte ( que jogou na Academica, Sporting e na Sel. Nacional em 66), o Chichorro, Fernando Mendes do Casal da Eira,Carlos Manuel da Casa Branca, Jorge Machado Martins da Est.Beira (Bica da Cheira), Antonio Mario do Alto S.João.
Estes foram da minha 4ª classe.

9:42 da tarde  
Blogger Leo disse...

Olá Alvaro Apache

Fiquei contente de ver a tua mensagem ,até que em fim ...!

O José Maria Bobone era exactamente da minha classe ,o Coelho também era amigo ,o Luis Almeida (triste saber que já não está por cá...!)o irmão Victor era mais novo e da classe do meu irmão Artur.

Agradecia o teu contacto ou melhor ainda dá-me um toque para o 969 545 885 para organizarmos um encontro e ver se é possivel encontrar malta amiga.O meu nr é 969 545 885 ,dá um toque.Leonardo

11:25 da manhã  
Blogger Leo disse...

Caros Amigos,até receber um telefonema vosso vou continuar a mandar mensagens....sou teimoso !

Sou Leonardo Sayago ,Escola Sagrado Coração de Jesus ,Prof. Franco e Dona Ana ,anos 50-54 ,telefone 969 545 885 ,vá lá um de vocês dê um toque ,gostria de vos rever ,José Maria Bobone ,Coelho ,Victor Almeida e demais malta.Havia também um tipo porreiro que quando o Professor Franco lhe batia ele não chorava ,um dia o Professor Franco enfiou-lhe umas grandes orelhas de burro e mandou-o para a janela da Estrada da Beira ,ainda se lembram disso?Era cruel ,o pobre rapaz era um tipo porreiro ,será que vais ler isto e entrar em contacto comigo?

Um abraço para todos.Leonardo

11:45 da tarde  
Blogger Leo disse...

Olá Alvaro Apache e demais companheiros,

Vou tentar ir ao encontro amanhã em frente da Suiça ás 12.30 para fazer contacto com a malta.

Dá-me o teu numero de móvel para evitar desencontros . O meu é 969 545 885

Um abraço para todos.Leonardo

5:43 da tarde  
Blogger Leo disse...

Para Victor Almeida.

Sou o Leonardo ,o meu irmão Artur era da tua classe ,lamento muito a perda do teu irmão Luis que era meu amigo e colega de classe.Sei que praticas em Beja ,eu tenho uma quinta aqui perto de Montargil ,gostava de estar contigo ,já tentei telefonar mas sem sucesso.O meu móvel é o 969 545 885.Espero ter o prazer de receber uma chamada tua.Um abraço.Leonardo

5:50 da tarde  
Blogger Leo disse...

Sou o Leonardo Saiago ,continuo à espera de um toque vosso para o 969 545 885 .Vejam as minhas mensagens e um de vos dê um toque .Um abraço para todos.Leonardo

4:14 da tarde  
Blogger Leo disse...

Caros Amigos da escola do Sagrado Coração de Jesus,
Sou o Leonardo e continuo á espera de um telefonema vosso e em particular do Victoe Almeida pois vivo perto de Èvora e posso ir ter contigo a Beja para um almoço.Dá-me um toque para o 969 545 885 ,seria um prazer estar contigo ,eramos vizinhos ,eu morava na Rua B e tu a uns 100 metros na Rua A ,na esquina.

Grande abraço Leonardo

11:56 da manhã  
Blogger Leo disse...

Gostava de dizer que finalmente já encontrei muita malta dos tempos do Sagrado Coração de Jesus ,e estou a curtir imenso os nossos encontros de almoço a partir das 12.30 em frente da Suiça ,no Rossio,agora ainda falta o Luis Maria Bobone aparecer e os demais colegas dos anos 50/54 e depois a malta do Liceu D.João 3.Alguém que veja esta mensagem e se lembre de mim por favor dê-me um toque para o 969 545 885.Será um enorme prazer ver novos/antigos amigos.

Grande abraço para todos.

Leonardo

10:10 da tarde  
Blogger Sidónio disse...

A Fátima é minha tia, assim como a D. Julieta. Curioso fazer uma busca no google e vir parar aqui.

11:02 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Powered by Blogger

-->

Referer.org